Pacientes do HCN tomam banho de sol

A equipe multidisciplinar do Hospital de Enfrentamento à covid-19 do Centro-Norte Goiano (HCN), localizado em Uruaçu, realiza, desde o início do mês, banho de sol para pacientes internados que estão estabilizados e com avaliação médica positiva. Pacientes da UTI e das Enfermarias estão experimentando ver a luz do dia e os jardins internos. O resultado tem sido muito positivo e trazido à tona emoções tanto para quem está internado, quanto para as famílias e para as equipes da unidade.

Depois de 54 dias na UTI, a maioria entubado e em estado gravíssimo, Evaldo Campos Aguiar, de 46 anos, de Porangatu, pode ver o dia e a luz do sol. Acompanhado de perto por parte da equipe, ele pôde ficar cerca de 20 minutos contemplando o fim do dia. Ele foi o primeiro paciente a participar da ação. “Respirar esse ar e ver a vida aqui de fora me deu mais força para ir para casa”, afirmou.

Depois de Evaldo, outros pacientes foram levados para o tão sonhado banho de sol. Jeud Gomes, Viana, 56 anos, de Minaçu, também estava há quase dois meses na UTI. A felicidade estava estampada no rosto e a família conversou por vídeo com o paciente durante o banho de sol. Adriano dos Santos Carvalho, 30 anos, de São Miguel do Araguaia, também estava na UTI. Já Maria Lúcia da Silva Santos, 53 nos, de Barro Alto, Valdete Rodrigues Brito de 73 anos, de Uruaçu, Francisca José da Costa, de Novo Mundo, estavam na enfermaria.

O assistente social Murilo Alves de Souza, que organizou o primeiro banho de sol, disse que organizou com a equipe o passeio com um dos pacientes depois de vê-lo frustrado por não ter ido para a enfermaria no dia previsto. “Depois que viu o pôr do sol nem se lembrava mais que não tinha tido alta. Já o Adriano fez questão de tirar o pró-pé para pisar na grama”, lembra.

A psicóloga do HCN, Talita Andrade Leite, ressalta que sair do quarto ou UTI hospitalar traz muitos benefícios ao paciente, como melhora do humor, ambiência (qualidade do que é o ambiente), orientação que diz respeito ao mundo, ambiente e espaço, saber onde está e orientação do indivíduo em não saber quem se é (confusão), por exemplo. “O passeio faz com que o paciente interaja mais, fique mais tranquilo, satisfeito e com bem-estar de estar próximo à natureza.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Contato
AGIR AGIR
Fone: (62) 3995-5406
Av. Olinda com Av. PL3, Qd. H4 Lt 1,2,3 Ed. Lozandes Corporate Design, Torre Business, 20° Andar, Parque Lozandes.
Goiânia - Goiás
CEP: 74884-120
agir@agirgo.org.br
CRER CRER
Fone: (62) 3232-3232 / 3232-3000
Av. Vereador José Monteiro, 1655, St Negrão de Lima.
Goiânia - Goiás
CEP: 74653-230
crer@crer.org.br
HDS HDS
Fone: (62) 3717-0101
GO 403, Km 08, Colônia Santa Marta.
Goiânia - Goiás
CEP: 74735-600
consultas@hds.org.br
HUGOL HUGOL
Fone: (62) 3270-6300
Av. Anhanguera, 14527 - St. Santos Dumont.
Goiânia - Goiás
CEP: 74463-350
hugol@hugol.org.br
HCAMP HCAMP
Fone: (62) 3602-0735
Av. Bela Vista, 2.333 - Parque Acalanto.
Goiânia - Goiás
CEP: 74863-025
seger.hcamp@agirsaude.org.br
HCN HUGOL
Fone: (62) 3270-6300
Galdino Moreira de Souza, nº 1230
Residencial Jardim Eldorado
Uruaçu - Goiás
CEP: 76400 - 000
hcn@hcn.org.br

Sigam nossas redes sociais

Fechar Menu